Forçando o cache do Windows Update com Squid (Atualizado)

Olá ! Eu havia postado anteriormente um artigo sobre forçar o cache do Windows Update com o Squid :

(https://respirandolinux.wordpress.com/2011/04/15/forcando-o-cache-do-windowsupdate-com-squid/)

Desde então muita coisa mudou nos acessos, como as extensões dos arquivos disponibilizados, por exemplo. Na dica anterior o limite de tamanho máximo do arquivo para ser gravado em cache era aumentado de forma geral, porém agora as atualizações da Microsoft são maiores, havendo relatos de uma para o Windows 8 de 4GB.

Primeiramente, vamos criar uma regra para definir quais acessos serão tratados :

acl windowsupdate dstdomain .microsoft.com .windowsupdate.com

Obs.: É possível criar esta regra de forma mais “elegante”, relacionando aqui somente os destinos específicos que o Windows Update acessa (como download.microsoft.com, para isso monitore nos logs os acesso feitos).

Agora definimos condições específicas para estes acessos:

range_offset_limit -1 windowsupdate
quick_abort_min -1 KB windowsupdate
maximum_object_size 5 GB  windowsupdate

 

Por último, criamos as entradas para forçar o cache das atualizações:

refresh_pattern -i  microsoft.com/.*\.(cab|exe|ms[i|u|f]|asf|wm[v|a]|dat|zip|psf) 4320 80%  43200 reload-into-ims

refresh_pattern -i  windowsupdate.com/.*\.(cab|exe|ms[i|u|f]|asf|wm[v|a]|dat|zip|psf) 4320 80% 43200 reload-into-ims

 

Anúncios

5 comentários sobre “Forçando o cache do Windows Update com Squid (Atualizado)

  1. estive lendo os dois tutoriais relacionados e fiquei com uma dúvida. No caso eu preciso fazer a configuração completa como esta no primeiro post, ou só executando esta do segundo post já é suficiente?
    Obrigado.

  2. Olá de novo.
    Eu inseri as linhas dentro do meu arquivo de configuração do squid, mais parece que o squid tenta armazenar o cache toda vez que uma máquina faz a requisição na rede dos pacotes do windows update. Inclusive, me parece que o que funcionava no cache, agora não funciona mais. Não sei se seria o caso de limpar o cache ou se está alguma coisa errada no arquivo squid.conf. Outra coisa relevante, é que os arquivos de atualizações do OS – X, armazena legal e transfere pela minha LAN e não precisa ficar baixando toda vez que um Mac faz o pedido dos pacotes de atualizações.
    Será que eu poderia postar aqui meu arquivo squid.conf para você dar uma olhada pra mim?
    Obrigado.

  3. Bom dia.
    Inseri as linhas no código do squid.conf, mais me parece que não está funcionando. Representa que toda vez que uma máquina com Windows faz a requisição dos pacotes do Windows Update, o servidor Squid tenta armazenar tudo de novo, levando uma eternidade para conseguir fazer a atualização. Coisa que não acontece com as atualizações do sistema OS-X do Mac, que acontece em menos de 5 minutos o equivalente a 4Gb de atualizações.
    Percebi também, que algumas coisas não estão mais segurando no cache, por exemplo, as atualizações do vlc-player, que antes armazenava e entregava do cache, agora me parece que está baixando toda vez que preciso atualizar o VLC em um micro.
    Gostaria de saber se posso postar aqui meu código do squid.conf, para ser avaliado?
    Muito obrigado.

    1. Olá Heverton, boa noite !

      Desculpe pela demora na resposta. Infelizmente este artigo é bastante antigo e não tenho mais contato com o Squid…Não poderei te ajudar desta vez.

      Obrigado por acessar o blog !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s